ESTRÉIA DE DUDUDE

Aos 40 anos de carreira, a artista de dança volta à cena e apresenta novo trabalho solo “A PROJETISTA”

Foto de Guto Muniz

Foto de Guto Muniz

Em plena fase de maturidade artística, Dudude se prepara para lançar o espetáculo “A Projetista”, ou melhor, um desejo de espetáculo. Em cena, a intérprete disserta todo o tempo sobre o seu possível e próximo projeto artístico. Ela projeta no espaço sempre um pouco mais adiante. Cada insinuação de dança ou pensamento são novas idéias e vontades que brotam de uma mente e corpo inquietos. “Este novo trabalho talvez seja um desafio, um manifesto, de mais um artista criador de nosso tempo, frente aos macanismos para se viabilizar a cultura e a arte”, diz.

Para Dudude, o artista-projetista se tornou um sintoma contemporâneo que começou nos
anos 90, quando toda uma geração criadora passou a mudar a postura em relação ao

Foto de Guto Muniz

mercado, organizando-se frente às exigências solicitadas, suprindo demandas e, ao mesmo tempo, tornando-se refém. Este trabalho nasce de experiências adquiridas ao lidar com os mecanismos vigentes de viabilização da cultura e da arte, cada vez mais amarrados às prestações fiscais, engessados por um controle exato. “A cultura se transformou em um bom negócio, mas para grandes empresas e instituições. Pergunto: e aquele que trabalha no campo do dp pequeno, que é apenas uma pessoa artista inserido no campo da curiosidade, da descoberta, da provocação? Este também é obrigado a abrir uma empresa e se transformar em CNPJ?” questiona a artista.

A estréia de “A Projetista” acontecerá no dia 25, ás 19h, no Teatro Oi Futuro Klauss Vianna.